Boletim Radar – Julho 2021 – “Agro” x “Ogro” no Parlamento Brasileiro

Entenda o saldo legislativo do primeiro semestre do ano e saiba o que pode vir por aí…

Muita coisa aconteceu desde que o ano começou. Em artigo publicado no blog Mais Democracia Mais Sustentabilidade do IDS no Estadão, André Lima faz um balanço dos principais retrocessos vividos na agenda socioambiental do Brasil, principalmente após a saída de Rodrigo Maia da presidência do Congresso Nacional.

Como já foi apontado nos relatórios publicados no Painel Parlamento Socioambiental (leia AQUI), o trabalho incansável de poucos, mas dedicados parlamentares da Frente Parlamentar Ambientalista e a articulação e mobilização da sociedade civil organizada foram cruciais para minimizar as perdas.

Instituto Democracia e Sustentabilidade – IDS e outras organizações ligadas ao Observatório do Clima, enviaram no dia 15 de julho uma carta ao Presidente do Senado Rodrigo Pacheco, demandando que o PL sobre a Lei Geral do Licenciamento Ambiental, agora sob o número 2159 de 2021, tramite pelas comissões já que por decisão do presidente Pacheco as comissões serão retomadas a partir do 2o semestre.

Será que chegou finalmente o momento em que a economia do Brasil, baseada em grande medida no agronegócio, vai conseguir se sobrepor ao “ogronegócio” atrasado e ultrapassado?

Dá o play no vídeo abaixo, comente e compartilhe!


Para acessar o artigo de nosso blog MAIS DEMOCRACIA MAIS SUSTENTABILIDADE na íntegra, clique aqui

Parceiros